Entrevista – 1º contacto com o potencial empregador

A entrevista começa bem antes da hora marcada, com a preparação! Ao marcar uma entrevista, certamente pensa: “Serei o candidato certo?”, “Como posso demonstrar as minhas capacidades e competências?”. O seu currículo passou a fase de triagem, o que significa que a sua candidatura terá algum enquadramento – portanto só terá de mostrar que é mesmo a pessoa certa para a oportunidade em aberto! Quanto à preparação, não deixe de ler o nosso artigo, “Entrevista: preparação do entrevistado”.

Deixo algumas dicas para o momento da entrevista:

  1. Seja pontual! Não chegue demasiado cedo, e especialmente não chegue tarde. A pontualidade é um aspecto valorizado, portanto, comece com o pé direito! Se por algum motivo, perceber que não vai ser mesmo possível chegar a horas, avise o entrevistador que está atrasado, com a maior antecedência possível, por isso não se esqueça de levar consigo todos os contactos e telemóvel. Demonstra profissionalismo e organização.
  2. Desligue o telemóvel, e reserve tempo para a entrevista – não deve ser interrompido e deve estar completamente concentrado na mesma (sem estar preocupado porque está a chegar a hora de ir buscar os filhos à escola, ou a hora de uma outra reunião).
  3. Cumprimente o entrevistador com aperto de mão firme, acompanhado de um sorriso.
  4. Embora possa estar nervoso, tente manter o contacto visual, transmitindo segurança e interesse.
  5. Espere pela altura certa de falar; não fale demasiado; comece e termine as suas frases de forma clara.
  6. Evite usar “palavras caras” (especialmente se não as domina), e responda directamente às questões que lhe são colocadas. Não entre em pânico se não perceber alguma questão – se isso acontecer, seja frontal e peça para repetir.
  7. Sob qualquer circunstância, não minta – mais cedo ou mais tarde, será descoberto.
  8. Se não tiver experiência no sector, realce as competências que façam sentido para o cargo – a experiência não é tudo.
  9. Se questionado sobre o salário pretendido, seja sensato e realista em relação ao cargo a que se propõe. Normalmente as pessoas têm receio de responder, mas é uma questão importante. O entrevistador terá necessidade de saber pelo menos um intervalo de vencimento que seja adequado para si – para não haver falsas expectativas.
  10. É importante fazer perguntas – não adopte uma atitude passiva. Pondere as questões a colocar ao entrevistador e faça as adequadas e sobre a vaga existente, por exemplo: quais os planos da empresa para o futuro; se tem muita rotatividade; se existem hipóteses de evolução; planos de compensações; formação profissional; estado do mercado em que a empresa trabalha; qual o horário praticado.
  11. Tenha confiança em si, mas sobretudo seja você mesmo.

Boa sorte!

 

Autora: Marília Santo (HR Consultant)

Etiquetas

Deixe uma resposta

O seu endereço de Email não será publicado.

Podemos ajudar?

CONTACTE-NOS

Topo

Sempre a pensar em Si.

Criámos uma Mailing List exclusiva para que você receba em primeira mão as nossas notícias e publicações.

" >CONTACTE-NOS
close slider
  • Escreva aqui a sua Mensagem.
  • Este campo é para efeitos de validação e deve ser mantido inalterado.